A História do Futebol Espanhol

Oi GEN-TÊ! Há algum tempo eu venho levantando a importância de estar antenado na cultura dos países que têm a como língua materna o espanhol, mas pra gente relembrar eu explico novamente: Estar envolvido nos temas da cultura desses países é como estar imerso, mesmo que a distância. Precisamos buscar conteúdo diário e conhecimento, isso aumenta nosso contato com o idioma, e o melhor, de uma forma totalmente espontânea! É por isso que hoje vamos falar de futebol!

Trio MSN, sdds :’|

“Mas por quê logo futebol?!”

Eu sei que tem muita gente que não gosta de futebol, e se é seu caso não se preocupe, aqui no blog falamos sobre muitas coisas que você vai gostar (por exemplo, já falamos da Frida, Mafalda, Almodovar, Chaves, Filmes, Músicas, Novelas, Livros e muito mais, até de Rebeldes já falamos aqui jajajaja). Mas vamos lá, dá uma chance pro artigo, tem muita informação histórica legal mesmo pra quem não curte o esporte 😉 !

Mas então, tem muita gente que gosta de futebol, ama futebol, e também é meu caso! Sim, uma mulher que gosta mesmo de futebol (tentem adivinhar meu time nos comentários hehehehe)! Então, assim como eu, espero que você goste do tema de hoje! É um artigo especial sobre a história do futebol espanhol. Vamos abordar todo o contexto histórico que formou o futebol espanhol no século passado e entender todo o desenrolar desse esporte em um dos principais países do mundo até os dias atuais.

Papai Cris gostou do tema!

Surgimento do Futebol Espanhol e seu contexto histórico

Para falarmos da história do futebol na Espanha precisamos falar de todo o contexto histórico do país nos anos em que o futebol surgiu para o mundo. O futebol é um esporte que surgiu e se criou como conhecemos hoje na Inglaterra na metade do século 19 ( existiam outros esportes praticados em outros lugares do mundo, como o pok ta pok que data de 3 mil anos atrás entre os povos Maias, mas que apenas se assemelham de alguma forma com o que conhecemos hoje como futebol).

Na metade do século 19 a Europa passava por um período de desenvolvimento econômico graças à Revolução Industrial, crescimento da burguesia, novos mercados internacionais, as ferrovias e rotas de navio a vapor e outras conquistas tecnológicas; nesse cenário a Inglaterra despontou como uma potência industrial e econômica na criação de novos mercados internacionais. Ou seja, os ingleses, que haviam criado o futebol, estavam em diversos países do mundo ao final do século. Isso criou uma condição especial onde as cidades europeias em franco desenvolvimento mantinham contato com a cultura inglesa, e com o futebol, principalmente de 3 formas: quando os ingleses migravam para as cidades europeias e jogavam futebol entre si; quando as pessoas das cidades europeias mantinham contato com os ingleses e isso propiciava a adoção de inovações como o futebol; e por fim, quando as pessoas nacionais assistiam ao ingleses jogando futebol e decidiam imitá-los.

Na Espanha não foi diferente.

Revolução Industrial na Espanha caminhando a passos lentos

Não houve uma única forma específica de implantação do futebol e sim uma junção desses 3 modos. De certa forma isso tornou o processo de surgimento do Futebol Espanhol algo bastante orgânico. Na época, houve alguma resistência ao ponto de escreverem matérias em jornais criticando o esporte por “não se adequar a forma espanhola de convívio em sociedade”, supondo que o jogo seria um fracasso na Espanha por ser tão diferente da verdadeira tradição espanhola, as touradas (que será um tema do blog muito em breve!).

O início na província de Huelva e o desenvolvimento por toda a Espanha

Nesse contexto de disseminação da cultura inglesa no mundo, a Espanha reunia algumas boas condições para investimentos ingleses e isso foi o trampolim para o surgimento do Futebol Espanhol. Especialmente na então província de Huelva, em 1889, os funcionários da Companhia Mineira do Rio Tinto (que já jogavam desde 1878) criaram o primeiro clube de futebol da Espanha, o Huelva Recreation Club.

Fundação do primeiro clube de futebol da Espanha, o Huelva Recreation Club

Esse foi o primeiro clube para práticas esportivas, incluindo o futebol, de que se tem registro de criação formal. Por isso podemos dizer que o futebol espanhol surgiu formalmente pela primeira vez na pequena cidade de Huelva; o que não quer dizer que a prática de futebol surgiu lá. Como no Brasil, o território espanhol era muito dividido nessa época, e o esporte era praticado em várias outras cidades (logo veremos que as principais cidades espanholas assumiram o protagonismo do futebol). Quase que ao mesmo tempo, em Janeiro de 1890, surgia na cidade de Sevilla, o Club de Football de Sevilla (hoje multicampeão nacional e europeu). A história do Sevilla se cruza com a história do pequeno time de Huelva em março de 1890 quando os dois clubes disputam a primeira partida oficial sob as regras da federação Inglesa de futebol em solo espanhol. A partida foi vencida pelo Sevilla por 2-0.

Como falamos agora pouco, o futebol espanhol não surgiu de Huelva, especificamente; era praticado em várias cidades e em pouco tempo as principais cidades dominaram cenário do futebol no país. Sevilla se tornou uma grande cidade e hoje é um grande clube de futebol mas isso não aconteceu com o Huelva, que hoje disputa apenas a terceira divisão do país. Isso tem forte relação com a geografia da Espanha. As cidades eram bem espalhadas e o processo de industrialização não acompanhou o restante da Europa. Existiam grandes cidades e grandes centros como Madrid, com meio milhão de habitantes na virada do século, que absorveram mais a cultura inglesa justamente por seu desenvolvimento.

Em pouco tempo, o futebol espalhado por toda a Espanha seria dominado principalmente por três cidades: Madrid, Barcelona e Bilbao.

Uma nova etapa no desenvolvimento do Futebol Espanhol – Madrid, Barcelona e Bilbao

Apesar de não possuir grandes centros industriais como em outros países, a Espanha tinha um amplo conjunto portuário e isso facilitou a difusão do futebol nessas áreas devido ao contato mais intenso com a frota mercante inglesa; é o caso de cidades como Bilbao e Barcelona, com clubes fundados em 1890 e 1899, respectivamente.

Fundadores do Athletic Bilbao

Fundadores do Barcelona

Não iremos aprofundar muito nos detalhes que envolveram cada um desses clubes, mas é importante ressaltar uma semelhança em suas formações: ambos os clubes misturavam jogadores ingleses e entusiastas locais do futebol.

Valeu, feras!

Madrid não dispunha de um porto como as outras duas cidades e não era um grande Centro Industrial à época, mas era a capital do país e a maior cidade da Espanha e isso foi o bastante para que a cidade tivesse diversas conexões com o mundo todo, inclusive com os ingleses. Em 1900 o fundador do Real Madrid já organizava as bases para a fundação do clube, mas só foi oficialmente formalizado em 1902 – Ano em que o clube organizou um torneio em homenagem ao Rei Afonso XIII, o que mais tarde se tornou na famosa Copa del Rey.

O bruxo e o fenômeno <3 <3

Madrid, Barcelona e Bilbao foram tão fundamentais para o desenvolvimento do futebol espanhol que o primeiro campeonato – de 1902 – foi realizado com 6 clubes, dois de cada cidade. E inclusive essa competição foi tão importante para o país que vale a pena tratarmos desse assunto com mais detalhes.

O primeiro Campeonato Espanhol

Como mencionei agora pouco, o torneio em homenagem ao Rei Afonso XIII foi fundamental para o futebol espanhol pois foi graças a ele que o esporte começou a ganhar projeção em toda a Espanha. Foi um torneio realizado na capital, com apoio do governo local de Madrid e em homenagem ao Rei. Podem imaginar quão grande foi a repercussão de tudo isso para a época? Vários jornais cobriram o evento; até aquele momento o futebol era só mais um esporte que ficava muito restrito aos estrangeiros. Mas como toda essa cobertura, venda de ingressos e casa cheia para prestigiar o Rei com um evento esportivo, o futebol começou a ganhar uma projeção maior. E esse acontecimento foi marcante ao ponto de colocar a Espanha no cenário do Futebol europeu. Pouco tempo depois, inclusive, a Espanha (que ainda não possuía formalmente uma federação espanhola como a que existe atualmente) participou da fundação da FIFA em 1904.

Ainda sobre a primeira Copa del Rey, que na realidade se chamava Copa de la Coronación até 1902, era o único campeonato nacional do país até 1928 quando criaram um campeonato diferente – que vamos falar mais a frente. E ao longo dos anos o primeiro campeonato em solo espanhol mudou diversas vezes de nome para agradar o governo espanhol da época. Vocês podem imaginar que não seria chamada de Copa de la Coronación durante a república espanhola, justamente para romper com a ideia de um Rei – passou a se chamar somente de Copa de España e durante a ditadura de Francisco Franco foi chamada de Copa de Su Excelencia El Generalísimo.

A taça da primeira Copa del Rey

Até a criação do campeonato espanhol a Copa del Rey (é tanto nome que vou usar esse aqui mesmo, hahahaha) era o único campeonato nacional com times que disputavam qualificatórias regionais pelo país para se qualificarem para a disputa da copa. O maior campeão desse torneio é o Barcelona.

Mudanças no Campeonato Espanhol

Com o passar dos anos e a globalização do futebol passaram a cogitar uma grande mudança no formato de disputa do campeonato espanhol; e foi em 1927 que essa história mudou. A Federação Espanhola de Futebol já existia e foi ela quem criou a primeira divisão; torneio que substituiria a Copa del Rey como principal competição do país.

Organizaram o primeiro campeonato espanhol em 10 times; campeões da copa del rey e os times de maior proeminência na Espanha até aquele momento. Uma discussão interessante para o mundo do futebol, é que esse campeonato espanhol de 1927 foi o primeiro de pontos corridos (formato onde se disputam jogos por um longo período em turno e returno) no país, mas antes mesmo do futebol desembarcar lá, em 1888 a Inglaterra já disputava uma competição assim. E é interessante observar como as inovações demoravam para chegar em outros lugares naquela época.

Veja, o futebol aquela época era restrito a algumas classes mais privilegiadas, mesmo na Espanha em seu início; e era ainda mais na Inglaterra no sec. XVIII. A competição era somente para os aristocratas se divertirem, confraternizarem e praticar algum esporte ao ar livre; mas com a popularização, times amadores formados por pessoas de classes baixas começaram a participar também. Esse processo acelerou a reivindicação pela profissionalização do jogador de futebol da época. E os aristocratas eram contra. Para eles era como se os pobres do mundo agora quisessem ser pagos para fazer o mesmo que eles faziam por diversão. Demorou muito até que a profissionalização fosse possível e a competição de pontos corridos que começou na Inglaterra em 1888 foi fundamental para que isso acontecesse. Naturalmente, o campeonato Espanhol seguiu a mesma trajetória, apenas um pouco mais tarde.

Vários times foram campeões da Espanha, os maiores são Real Madrid e Barcelona respectivamente.

Papai Cris tá aí ó!

Conclusão

Acredito que não seja tão necessário entrarmos em estatísticas de quem foi o maior campeão, quem marcou mais gols ou qual foi a época de ouro do Futebol Espanhol. O mais importante que foi sua história e sua formação nós já abordamos. Teriam muitos outros assuntos legais que estavam relacionados ao futebol como a forma como a periferia lidava com esse jogo que surgiu de forma elitizada, como as diferentes transformações políticas se fizeram presente no esporte, e vários outros tópicos adjacentes, mas que seriam tão grandes que esse artigo não terminaria nunca (hahahaha). Mas me diz aí nos comentários se você quer um artigo aqui no blog com esses temas 🙂

O mais legal de toda essa história é vermos como a Espanha adotou esse esporte inovador à época e como se deu o processo de sua implementação e evolução. Desde seu início o Futebol Espanhol sofreu várias mudanças e adaptações até se tornar em um país exportados do Futebol para o mundo todo, e com dois dos maiores times do mundo.


Chicos, muito obrigado por acompanharem até aqui. Acho que esse artigo é enriquecedor mesmo para quem não é fã do futebol, e espero que você tenha aprendido um pouco mais da história desse país maravilhoso e da cultura espanhola.

Ps.: Já sabe não é? Se tiver qualquer dúvida sobre a cultura, idioma ou se quiser aprender mais sobre o idioma espanhol, pode falar com a gente que nós estamos aqui pra te ajudar no que precisar.

 

Comentários

comentário

Comentários

comentário